O lado sombrio do Kinoforum

O Kinoforum, Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo, tem início nesta quinta (20) e termina na sexta que vem (28), na capital paulista. Esta 20ª edição trará, como de costume, produções nacionais, latino-americanas e do resto do mundo, além de programações especiais como a Mix Brasil, dedicada ao cinema GLBT e a Dark Side, que é o que interessa a este blog, com 9 curtas de terror de 7 países.

Um dos destaques é o absurdamente tosco e divertido O Assassino Horrivelmente Lento com uma Arma Extremamente Ineficiente, um trailer falso de 10 minutos sobre um serial killer que aterroriza um homem por anos, perseguindo-o e golpeando-o com uma colher! Já quem não gosta de humor vai preferir o argentino A Loira do Banheiro, baseado na lenda urbana brasileira, ou o sinistro espanhol Mamãe (foto abaixo). Dirigido por Andres Muschietti, o curta foi premiado no Festival de Sitges e deve ganhar uma versão longa-metragem em Hollywood, com produção de Guillermo del Toro (O Labirinto do Fauno).

Confira datas, horários e locais no site do Kinoforum. As sessões são gratuitas, basta retirar o ingresso na sala onde o curta será exibido com uma hora de antecedência.

3 Comments

  1. Poxa! Essas coisas não acontecem por aqui ;x

    (Desculpa pela sumida, tava sem pc!)

  2. Poxa! Essas coisas não acontecem por aqui! ;/

    (Desculpa a sumida! Tava sem pc!)

  3. Valeu por visitar meu blog Fabricio. Muitos dos curtas do Kinoforum podem ser vistos pela internet. Na semana que vem, após o término do festival, colocarei os links no blog. Abraço.


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s